quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Tribunal anula toda a acusação do Ministério Público Estadual contra a Universal

Justiça de SP considerou ilegal a investigação desenvolvida pelos promotores há dois anos

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) ordenou nesta terça-feira (19) a anulação de todas as acusações do Ministério Público de São Paulo contra a Igreja Universal e seus representantes.

Os desembargadores consideraram ilegal a investigação conduzida pelos promotores do Grupo de Atuação Especial e Repressão ao Crime Organizado (Gaeco). A 16ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) acatou os argumentos do advogado Antonio Sérgio de Moraes Pitombo, que afirma ser de competência da Justiça Federal analisar o caso.

Leia mais...  http://noticias.r7.com/brasil/noticias/tribunal-anula-toda-a-acusacao-do-ministerio-publico-estadual-contra-a-universal-20101020.html