sexta-feira, 25 de junho de 2010

Senador aplaude ação da banda KLB contra pedofilia

Magno Malta (PR-ES) apresentou um voto de aplauso para a banda KLB, que o tem auxiliado na campanha Todos contra a pedofilia. Segundo o senador, a banda, com seus shows, leva fãs aos eventos da campanha, que se tornam "verdadeiras palestras a céu aberto".

O senador comunicou a presença, em Plenário, do cantor Kiko, um dos três irmãos que compõem a banda — os outros dois são Leandro e Bruno. Magno Malta disse que, há dois anos e meio, "quando o Brasil nem conhecia o termo pedofilia", explicou aos irmãos o que se passava. E agora, com o trabalho realizado pela CPI que ele preside, o assunto recebe a atenção merecida


O senador afirmou que os integrantes do KLB também participam da campanha Brasil de cara limpa e pregam em seus shows a prevenção ao consumo de drogas.

O parlamentar também agradeceu o apoio que o padre-cantor Fábio de Melo tem dado em seus shows no combate à pedofilia. E comunicou ter recebido a visita do maestro Carlinhos que, bastante conhecido no meio gospel, produziu três CDs da banda de Magno Malta.

O senador se disse orgulhoso de ter apresentado o projeto de lei que determinou o uso de rastreadores eletrônicos para presos em progressão de pena, sancionado na semana passada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. Ele ainda elogiou o presidente pela intenção anunciada de vetar as emendas que retiram do Espírito Santo e do Rio de Janeiro parte dos royalties pagos pela exploração de petróleo.

Magno Malta recebeu apoio dos senadores Eduardo Azeredo (PSDB-MG), Renato Casagrande (PSB-ES) e Augusto Botelho (PT-RR).


Fonte: Jornal do Senado